4 de abril de 2012

Um dia diferente...

     ...é o que tenho todas as semanas, ao sábado. Assim, de manhã, ás 07:30h, apanho o autocarro e rumo á capital. Chego  e vou tomar o pequeno almoço á pastelaria Dourado (no Campo Grande), onde me delicio, com um pão de Deus (bolo) e um abatanado.Às 10 horas vou para as aulas, no IMT (Instituto medicina tradicional).
         Para trás deixo a rotina familiar de mãe, esposa e trabalhadora, e, por umas horas sou uma estudante, onde o convivío com os colegas, as aulas divertidas e relaxantes (massoterapia), o estudar para os testes, os trabalhos de grupo, me remetem á Silvia adolescente, de há alguns anos atrás.
        Apesar da minha actual instabilidade profissional, foi maravilhoso ter a coragem de tirar este curso, que me faz sentir orgulhosa de mim mesma, não apenas pelos testes de 19 valores (pois não sabia se conseguia estudar) mas por constatar, que nunca é tarde para aprender uma nova profissão. No inicio é dificil, ficamos com dúvidas, até porque é um investimento financeiro, mas é preciso dar o primeiro passo, mesmo que custe!
    Estou a adorar este curso de fisioterapia, onde conheço o funcionamento do corpo humano, seus ossos e musculos, e a maravilhosa terapia da massagem e seus efeitos a nível físico e mental. E peço a Deus, que no futuro eu o consiga exercer profissionalmente, para assim contribuir para o bem-estar humano!

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin